Patrimônio líquido do IMPRO evolui quase 160% em 7 anos e chega perto dos R$ 315 milhões

A diretoria do IMPRO comemorou mais um grande resultado histórico em sua gestão. De acordo com os últimos dados da consultoria de investimentos Sete Capital, a autarquia fechou 2022, com patrimônio líquido com expressivo valor de R$ 314.791.690,19.

O resultado demonstra mais uma vez o comprometimento da diretoria do IMPRO. Já são sete anos seguidos de valorização. É válido lembrar que nos últimos três anos o mercado de investimentos foi afetado pela pandemia, crise econômica mundial e a guerra na Ucrânia. “Nós temos pessoas qualificadas e atentas no IMPRO que ajudaram a blindar nosso órgão da instabilidade do mercado. É preciso destacar também o bom trabalho do Comitê de Investimentos e da nossa empresa de consultoria. Foi graças a esse comprometimento, aliado a informações técnicas atualizadas do mercado, que conseguimos segurar as perdas nos momentos mais críticos e chegar até esse grande número que acabamos de receber”, destaca a gerente de finanças e investimentos do IMPRO, Lucinete Oliveira.

Para o diretor executivo do IMPRO, Roberto Carlos Correa de Carvalho, o desempenho acima da média é fruto da política de trabalho implantada em julho de 2015. A filosofia da atual gestão é priorizar investimentos mais conservadores e seguros.” Já são quase oito anos trabalhando dessa forma. Com servidores comprometidos com o bem maior do trabalhador, superamos vários problemas e hoje estamos em destaque no Brasil. Parabéns a todos os servidores do IMPRO. Essa grande marca é fruto do esforço de todos”.

Há mais de meia década, a atual diretoria do IMPRO, só realiza investimentos em instituições credenciadas e comprometidas com as normas do Ministério da Economia e Ministério da Previdência Social. Hoje mais de 87% do dinheiro investido está no Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal. O restante é aplicado do Sicredi e Itaú.

Desde 1º de julho de 2015, data que marca o início da atual gestão, o IMPRO prioriza investimentos em entidades públicas, conservadoras e seguras. Há 73 meses, o patrimônio líquido era de quase R$ 124 milhões. A valorização nesse intervalo é de quase 160%.