IMPRO investe mais de R$ 2,5 milhões no Banco do Brasil

O Instituto Municipal de Previdência Social dos Servidores de Rondonópolis-IMPRO acaba de realizar um novo investimento em fundos do Banco do Brasil.

Com aval do Comitê de Investimentos, o órgão aplicou mais de R$ 2,5 milhões no banco público. Com esse investimento, o IMPRO já contabiliza, somente no Banco do Brasil R$ 80 milhões.

Outra instituição pública que ganhou prestígio com a atual gestão foi a Caixa Econômica Federal. Os investimentos no banco do “povo” já passam dos R$ 110 milhões.

A soma dos valores nas duas corporações corresponde a quase 75% da carteira do IMPRO. A patrimônio líquido da autarquia já passa dos R$ 255 milhões.

Roberto Carlos Correa de Carvalho, diretor executivo do IMPRO, lembra que desde a implantação da política de investimentos, prioritária para bancos públicos, o IMPRO tem obtido excelentes resultados. “Quando essa diretoria assumiu o IMPRO entramos num consenso para adesão a fundos de investimentos. A prioridade não era ganhar acima da média, era captar fundos estáveis, com rendimento regular. Isso foi nos proporcionado nos bancos públicos. Podem até não ser os que mais dão lucro, mas com toda certeza oferecem muita segurança. É dessa forma, que colhemos bons frutos há quase cinco anos”.

Todas as aplicações realizadas pela autarquia são amparadas por estudos técnicos da Sete Capital Consultoria, analisadas e aprovadas pelo Comitê de Investimentos do IMPRO.

Comitê de Investimentos

É um grupo formado servidores públicos que representam o IMPRO, Prefeitura, Conselho Curador e Conselho Fiscal, com objetivo de auxiliar o gestor de RPPS na tomada de decisão referente à alocação dos recursos do regime.