IMPRO bate mais uma vez meta atuarial e chega a R$ 364 milhões de patrimônio líquido

IMPRO bate mais uma vez meta atuarial e chega a R$ 364 milhões de patrimônio líquido

O Instituto Municipal de Previdência Social dos Servidores de Rondonópolis – IMPRO demonstrou, em mais uma oportunidade, que é um dos RPPS mais equilibrados de Mato Grosso.

Por mais um ano, o órgão superou a meta da política de investimentos fixada em 9,80% e conseguiu um retorno da carteira de 10,53%.

Com o lucro maior do que esperado, o patrimônio líquido do IMPRO saltou de quase R$ 315 milhões, em janeiro de 2023, para mais de R$ 364 milhões de janeiro de 2024. A evolução foi de aproximadamente R$ 50 milhões. O maior da história do IMPRO, no intervalo de 12 meses.

“Isso é consequência de um trabalho conjunto entre diretoria IMPRO, Comitê de Investimentos e o consultor de investimentos Igor França. É assim de forma racional e democrática que conseguimos superar desafios e promover valorização na poupança (patrimônio líquido) do servidor municipal de Rondonópolis”, destaca Lucinete Oliveira, gerente de finanças e investimentos do IMPRO.

Para o diretor executivo do IMPRO, Roberto Carlos Correa de Carvalho, o resultado comprova mais uma vez a viabilidade do Instituto. “Há quase nove anos, o IMPRO coleciona bons resultados. Muito do que acontece hoje é fruto de um trabalho que começamos lá no início desta gestão, no segundo semestre de 2015. Promovemos uma política de ‘pé no chão’, sem sustos promovemos mudanças pontuais. Os resultados foram aparecendo ao longo dessa caminhada. As boas notícias não param por aí até o final deste semestre teremos excelentes notícias para todos os segurados do município. Vem coisa boa por aí, aguardem”.

Patrimônio líquido

No intervalo de oito anos e quatro meses, a evolução do patrimônio líquido do IMPRO ficou perto dos 200%. Em julho de 2015, o montante era de R$ 124 milhões. Em janeiro de 2024, com o bem maior do servidor passando da casa dos R$ 364 milhões. A valorização é superior a 190%, número inédito na história de 25 anos do IMPRO.

Segurados

É válido lembrar que o número de aposentados e pensionistas do Instituto também sofreu um crescimento considerável no período da atual diretoria.  Em julho de 2015, o órgão contabilizava 509 beneficiários. Esse número cresceu para 1.125.