IMPRO aposenta grupo de 7 servidores e se aproxima dos 1.020 beneficiários

IMPRO aposenta grupo de 7 servidores e se aproxima dos 1.020 beneficiários

O IMPRO alcançou neste mês de junho mais uma marca positiva em sua história. A autarquia aposentou na última semana um grupo composto por 7 servidores. Agora, quase 1.020 trabalhadores fazem parte do quadro de beneficiários do órgão.

Chegaram para a família IMPRO: Carmem Gomes de Oliveira, auxiliar de serviços diversos, mais de 30 anos no serviço público, Marcilene Pereira Silva da Cruz, professora, 26 anos de profissão, Ana Isabel dos Anjos, professora, 31 anos de experiência, Edilamar Moreira de Souza, professora, mais de 33 anos dedicados a arte do ensinar, Maria da Glória Farias de Souza, agente de saúde, mais de 30 anos de serviços prestados para a sociedade, Elissandro da Cruz Silva, auxiliar administrativo, mais de 26 anos dedicados para o município e Fermina Dalva Ramirez de Benitez, agente de vigilância, mais de 19 anos de município.

“Seguimos em ritmo acelerado na concessão de benefícios. Isso é graças ao trabalho sério da diretoria do IMPRO. Essa gestão sempre prioriza o servidor acima de tudo e assim estamos conseguindo trabalhar com menos burocracia e mais eficiência”, conta Fábio Lima, gerente de benefícios do IMPRO.

O IMPRO é um órgão público municipal, administrado 100% por servidores de carreira que fazem gestão para os pares do serviço público há mais de 7 anos. É válido lembrar que o IMPRO conta com aprovação de mais de 95% dos servidores municipais de Rondonópolis.

 Atendimento

O Instituto segue executando medidas de segurança para os servidores do órgão e público em geral. Logo para solicitar atendimento presencial é necessário realizar um agendamento prévio, através dos números: 66 98429 2563 | 66 98431 2563 | 66 98431 2564 | 66 3423-6404. Os mesmos contatos também estão disponíveis para atendimento remoto.

 Segurança

O IMPRO salienta que segue recomendando o uso de máscara (cobrindo boca e nariz) para servidores, prestadores de serviços, aposentados e pensionistas. A higienização das mãos também é necessária. O álcool 70%, disponível na recepção do órgão.