Aposentados e pensionistas aprovam, por unanimidade, em assembleia manutenção de Banco do Brasil para recebimentos de salários

Mais de cem servidores aposentados e pensionistas do município de Rondonópolis estiveram presentes na assembleia geral, convocada pelo Sispmur para discutir a manutenção ou não do Banco do Brasil para recebimento de salários.

O encontro foi realizado na tarde de quinta-feira (27), na quadra da APAE e contou com as participações das diretorias do Sispmur e IMPRO.

Os presentes debateram por duas horas a proposta de transferências das contas do Banco do Brasil para Caixa Econômica Federal.

Depois de esclarecimentos pertinentes, aposentados e pensionistas realizaram duas votações. Na primeira opinaram pela continuidade no Banco do Brasil e a aprovação foi unanime. Na segunda, rejeitaram, também por unanimidade a mudança para Caixa Econômica Federal.

Com decisão dos beneficiários a troca de bancos não deve acontecer. “Essa assembleia foi realizada a pedido dos próprios aposentados e pensionistas. Nossos amigos nos procuraram pessoalmente, por telefone e redes sociais para manifestarem insatisfação com o apresentado para os servidores em atividade. O IMPRO jamais tomaria uma atitude sem consultar aposentados, pensionistas e ouvir suas opiniões. A assembleia é soberana e continuaremos a cumprir o contrato vigente com o Banco do Brasil”, explica Danilo Ikeda, procurador do IMPRO.

Abaixo assinado

O aposentado e pensionista que não esteve presente na assembleia e deseja endossar o interesse pela permanência do Banco Brasil pode oficializar o manifesto através de um abaixo assinado, disponível nas recepções do IMPRO e Sispmur, de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h.